terça-feira, 29 de maio de 2012

terça-feira, 22 de maio de 2012

OS 7 DONS DO ESPÍRITO SANTO

Que o Divino Espírito Santo, nesta Novena em sua honra, nos fortaleça com seus dons!

Por isso rezemos, cantando...
Fonte do vídeo: http://www.youtube.com/watch?v=icx__-IBkGQ&feature=player_embedded


SEQUÊNCIA DE PENTECOSTES

Ref.: A nós  descei, divina luz, (bis)
    Em nossas almas acendei o amor, o amor de Jesus. (bis)

1. vós sois a alma da Igreja, vós sois a vida, sois o amor,
   Vós sois a graça benfazeja que nos irmana no Senhor. (bis)

2. Divino Espírito, descei: os corações vinde inflamar
   E as nossas almas preparar para o que Deus nos quer falar. (bis)
       Fonte: Livro a comunidade reza e canta, Diocese de Pelotas. n° 222, p. 105.


OS SETE DONS DO DIVINO ESPÍRITO SANTO

sábado, 19 de maio de 2012

FESTA AO DIVINO ESPÍRITO SANTO


ORIGEM E SIGNIFICADO RELIGIOSO DA FESTA

       A Festa do Divino Espírito Santo é uma festa cristã. A sua origem é tão antiga quanto o próprio cristianismo! O seu nome litúrgico é "Festa de Pentecostes".
       A palavra "pentecostes" é de origem grega e significa "cinquenta dias". No tempo de Jesus, a comunidade judaica celebrava uma festa típica, em agradecimento pelas colheitas, cinquenta dias após a Páscoa, da qual participavam judeus de todas as partes do mundo. Nesse dia, Jesus enviou sobre os Apóstolos o Espírito Santo (Atos 2). Repletos e animados pelo Espírito Santo, os Apóstolos começaram a pregar corajosamente a Boa Nova de Jesus Cristo, Senhor e Salvador.
       O texto do Livro dos Atos dos Apóstolos sublinha a efusão do Espírito Santo e dos seus Dons sobre os Apóstolos e a realização da Nova Aliança, selada por Deus em Cristo.
       O apelido "Divino" está a indicar a divindade do Espírito Santo: verdadeiro Deus, Terceira Pessoa da Santíssima Trindade, ou seja, do Deus Uno e Único na Trindade das Pessoas (Pai, Filho e Espírito Santo).
       A vinda do Espírito Santo foi anunciada aos Apóstolos por Jesus como "Advogado" e "Consolador". De fato, é o Espírito Santo quem guia e conduz a Igreja pelos caminhos do mundo e da história. Jesus continua a sua obra salvadora, em prol de todos os homens, pela ação da Igreja, a qual, para cumprir sua missão, conta constantemente com a presença do Espírito Santo.
       A Igreja celebra a festa de Pentecostes com os paramentos vermelhos, símbolo e sinal do amor com que Deus nos ama e do "fogo" que aquece, ilumina e abrasa os corações dos discípulos de Jesus.
       O Espírito Santo é representado no símbolo de pomba. Já nas páginas do Novo Testamento encontramos este símbolo, transmitindo o sentido de  amor, pureza, paz, mansidão, bondade, vida nova.
       A plenitude da ação do Espírito Santo nos corações dos fieis é representada em forma de Sete Dons: Entendimento, Ciência, Sabedoria, Conselho, Piedade, Fortaleza, Temor de Deus.
              A cultura brasileira é bastante diversificada, devido às várias influências sofridas no decorrer dos séculos. Ela é aprendida através de um processo de transmissão dos mais velhos para os mais novos. São as chamadas linhas de transmissão, que se classificam em: família, escola, religião, trabalho, esporte e finalmente, a sociedade como um todo, vivenciada mediante os diversos grupos que a mantém.
       Apesar das influências européias terem marcado a cultura brasileira nos séculos XVI, e XIX, hoje vemos que esta conseguiu manter‑se pelos seus próprios hábitos e costumes, como vemos em nosso país de norte a sul, um povo que vive suas tradições, seu modo de viver, falar, comer, rezar, vestir e etc.
       Hoje, no século XXI, podemos falar de uma cultura tipicamente brasileira, sem dependência européia, com valores próprios, conquistados pelo povo desta terra, mediante sua própria forma de vida, suas riquezas, herdadas por Deus.

 Disponível em: <http://www.portaldodivino.com/Artigos/artigo95.htm>. Acesso. 19/05/2012

quarta-feira, 16 de maio de 2012

VISITA DAS CRIANÇAS DA CATEQUESE COM A BANDEIRA DO DIVINO

A Imperatriz da festa do Divino Espírito Santo deste ano, Helena Py Silveira e seus colegas de catequese, saem em visita aos  paroquianos, convidando para a Novena e Festa em honra ao  padroeiro da Paróquia Divino Espírito Santo e de Jaguarão.


CONVITE AOS JOVENS


CONVITE
Matriz do Divino Espírito Santo

 Convidamos especialmente os jovens que participaram da catequese, na Comunidade Divino Espírito Santo, a participarem da Missa do dia 18, às 20h, na Matriz, logo após haverá encontro para formação de um novo grupo jovem.
  
Obs.: Podem trazer convidados, que não participaram da catequese.

segunda-feira, 14 de maio de 2012

PREPARAÇÃO À NOVENA EM HONRA AO DIVINO ESPÍRITO SANTO

Nesta sexta-feira, 18 de maio de 2012, às 20h; começa a Novena em Honra ao Divino Espírito Santo, Padroeiro da Paróquia Divino Espírito Santo e de Jaguarão.


pomba branca da paz Espírito Santo (1)
As casas das famílias pertencentes a área da Paróquia, estão sendo visitadas por paroquianos com a bandeira do Divino Espírito Santo, em preparação a Novena.




   INVOCAÇÃO AO DIVINO ESPÍRITO SANTO


Vinde, Espírito Santo, e enchei o coração dos vossos fiéis e acendei neles o fogo do vosso amor.
   V. Enviai o vosso Espírito Santo e tudo será criado.
   R. E renovareis a face da terra.
   V. Oremos:
   R. Deus, que instruístes os corações de vossos fiéis com a luz do Espírito Santo, fazei que apreciemos retamente todas as coisas, segundo o mesmo Espírito, e gozemos sempre de sua consolação. Por Cristo, Nosso Senhor. Amém.
Fonte da Oração: Livro a Comunidade Reza e Canta – Diocese de Pelotas. p. 183.

terça-feira, 8 de maio de 2012

O BOM PASTOR E AS MÃES



ERLIN, Pe. Luís, cmf. O Bom Pastora e as Mães. Revista Ave Maria. Embu.SP. p. 10,11. abril 2012.

segunda-feira, 7 de maio de 2012

VÍDEO MÚSICA "A ESCOLHIDA"


PARA CANTAR JUNTO
A PEDIDO DA TURMA DE CATEQUESE
Fonte: http://www.youtube.com/watch?v=EU1WDbOS1J4

A ESCOLHIDA

Uma entre todas foi a escolhida:
Fostes tu Maria, serva preferida
Mãe do meu Senhor, Mãe do meu Salvador

Ref.: Maria, cheia de graça e consolo.
Venha caminhar com teu povo
Nossa mãe sempre serás

Roga pelos pecadores desta terra
Roga pelo povo que em seu Deus  espera
Mãe do meu Senhor, Mãe do meu Salvador

Ref.: Maria, cheia de graça e consolo.
Venha caminhar com teu povo
Nossa mãe sempre serás
Fonte: Livro a Comunidade reza e canta


terça-feira, 1 de maio de 2012

O QUE É CATEQUESE?


O termo CATEQUESE é comum na pastoral da Igreja Católica, geralmente significando o período de formação voltado aos sacramentos, especialmente à Primeira Eucaristia e ao Crisma.
No entanto, ao estudarmos os Documentos da Igreja e em especial o Diretório Geral para a Catequese e o Diretório Nacional de Catequese, fica claro que o seu significado é bem mais amplo. Assim, podemos definir como:
A catequese é um processo permanente de educação na fé que se realiza em primeiro lugar na família, com o apoio da comunidade cristã que assume sua missão fundamental de lançar os alicerces sobre os quais a fé se sustentará. Nesse processo, o catequizando deve ser o protagonista e ter como meta gestar uma história de amor que leve ao relacionamento íntimo com Deus. A catequese é o meio no qual cada um se torna sujeito da própria transformação.
A catequese só se realiza pela imersão na pedagogia de Jesus e na pedagogia de Deus, a pedagogia do amor, do acolhimento, da esperança, da compaixão. Essa imersão se dá em primeiro lugar pelo TESTEMUNHO de vida daqueles que se dedicam a catequizar. A partir desse Testemunho, segue o ANÚNCIO e finalmente se completa com a EXPERIÊNCIA da presença e do amor de Deus.
A experiência de Fé leva a pessoa e a comunidade a crer conscientemente, de tal forma que se sinta encorajada a viver radicalmente a proposta evangélica de Jesus, comprometendo-se com a ação profética que denuncia tudo que não está conforme a vontade de Deus, e anuncia a sua presença no mundo, tornando a própria vida o espaço sagrado onde se dá o encontro com o Pai.
O objetivo primordial da Catequese é levar ao amadurecimento da Fé, que se processa ao longo da vida em distintas etapas, respeitando o tempo necessário a cada um, e dando autonomia às pessoas para que possam compreender por si mesmas qual o caminho a seguir para que se tornem verdadeiros discípulos de Jesus, construtores do Reino de Deus.
[Para conferir e complementar o que foi dito, leia o Capítulo II do Diretório Geral para a Catequese; e/ou o Capítulo 2 do Diretório Nacional de Catequese]

PARA REFLETIR


















ALVES, Fernando Henrique, cmf. O que os jovens buscam na religião?. Revista Ave Maria. Embu. SP. p. 47, abril 2012.